terça-feira, 15 de abril de 2014

Entre Pipas e Pombos


Entre Pipas e Pombos
Adriano Siqueira

Cidade escura
vive estresse
tormento

No topo dos postes
aprecio a visão
entre pipas e pombos
vejo solidão

Centenas passam por aqui
ninguém me vê
ocupados demais para olhar
a lua, a beleza e a natureza.

Olham o celular
mas não olham o luar
nem olham as pessoas que passam
ocupadas, elas nunca vão mudar.

Alguém caiu
ninguém viu

Se eu mordo
para saciar minha sede
ninguém vê o morto.
Só a luz do celular
é permanente.
Postar um comentário

Banner deste blog

Banner deste blog
Contos de Vampiros e Terror

  ©CONTOS DE VAMPIROS - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo